1 de novembro de 2016

Poemas Ichirukis





























Alguns poemas Ichirukis:

"A chuva arrasa o Sol Negro, mas a chuva é enxuta pela Lua Branca".

"Nem por causa de uma promessa, nem por dinheiro. Só para lhe dar de volta sua bondade... Essa é a razão pela qual Ichigo quer salvar Rukia".

"A pagar-lhe para trás sua própria moeda. Para salvar Rukia. Ichigo enfrenta novamente Byakuya."

"Sentimentos são a forma de algo mais resistente que o mais forte aço!" (de Urahara para Ichigo).

"Lembrei-me da razão pela qual eu queria poupar-lhe tão mal" O retorno ao mundo real. A lembrança de ter sido protegida. A chuva que não cessava de cair em seu coração desde então finalmente parou ... E tudo isso, em apenas um verão. Um novo presente pode nascer com a nova temporada que chega. "Obrigado, Rukia. Graças a você, a chuva finalmente cessou."

"Os sentimentos não resolvidos a partir da profundidade de seu ouvir finalmente encontrou um problema. A chuva cessou por Rukia".

“Rukia é como a Luz pra Ichigo”.

[...]

Os poemas Ichirukis são bonitos, pois eles partem de Kubo que possui um dom para juntar palavras e montar frases, a grande questão é que o mangaká por se um poeta tem um vicio inabalável em dar uma impressão bonita para seus textos. E se tais poemas afirmam amor, então por norma deveríamos considerar os demais poemas onde Kubo fala que Rukia tem seu coração ligado com o de Renji e onde Rukia ama Kaien – e amou por um bom tempo -, podemos ainda falar dos sentimentos de Ichigo e Ishida que foram bastante romantizados principalmente no final de Bleach. Mas vamos partir para próxima questão.


Qual seria essa questão? Bem, não sei se vocês notaram, mas a grande maioria das vezes os poemas ditos Ichirukis provém unicamente de Ichigo quando não da relação de Ichigo e Rukia (“Um jovem ... A shinigami ... Um encontro acidental ... O conto de fadas do destino começa."). Mas e os poemas de Rukia para Ichigo, cadê eles? Isso sim é que eu chamo de relação unilateral e mesmo em sua unilateralidade vemos que o que Ichigo tem por Rukia não vai muito longe de amizade. Se afinal, o que eles tiveram foi amor, essa relação romântica não deveria haver mutualidade das partes? Qual o sentido da grande parte dos poemas Ichirukis provirem de Ichigo? Então eu lhes direi. Reparem e leiam de novo os poemas e notem que 99% das vezes tais poemas inferem a importância de Rukia por um motivo, uma razão. Gente, não existe amor por merecimento, porque alguém fez algo por você, amor é sentimento é a capacidade de uma pessoa arrancar as melhores coisas de você, mas quando olho para os poemas Ichirukis eu sempre vejo intenções por trás delas.

"Rukia é a luz de Ichigo". Pois ela lhe deu poderes.

"Obrigado, Rukia. Graças a você, a chuva finalmente cessou”. É dito que a chuva de Ichigo era sua incapacidade de proteger, Rukia deu os meios para ele proteger e por isso cessou sua chuva.


"Nem por causa de uma promessa, nem por dinheiro. Só para lhe dar de volta sua bondade... Essa é a razão pela qual Ichigo quer salvar Rukia". Dar de volta sua bondade? Amor é aquilo que a gente dá sem esperar nada em troca.

"A pagar-lhe para trás sua própria moeda. Para salvar Rukia. Ichigo enfrenta novamente Byakuya”. Nem preciso dizer nada desse poema.

"A chuva arrasa o Sol Negro, mas a chuva é enxuta pela Lua Branca". Novamente a citação da chuva que seria a falta de poderes de Ichigo.

Mas qual a razão desses poemas em destacar a importância de Rukia por ter feito algo na vida de Ichigo? Bem, foi Rukia, afinal, que deu poderes a Ichigo ainda lhe dando aquilo que ele sempre sonhou e alvejou desde a morte de sua mãe, meios para proteger as pessoas que ele ama, é obvio que Rukia teria um lugar especial para ele e foi justamente nesse ponto que Kubo resolveu trabalhar. Não me venham dizer que ele quis ser indireto, pois há maneiras bem melhores de ser indireto ao falar de amor do que destacar a gratidão de um personagem para outro, coisa que não deve existir em amor ou simplesmente não deve ser o primordial no amor.

E não seria gratidão? É Rukia que fez diferença na vida de Ichigo e não ao contrário, por isso não vemos poemas de Rukia para o protagonista, pois ele não fez muito mais na vida dela do que fazê-la quebrar umas regras ou despertar seu amor (e claro uma grande amizade), e é por isso que Kubo foca nos poemas falando do que Ichigo sente pela Kuchiki e não o contrário, pois Rukia não tem motivo para ser bastante grata por Ichigo (a não ser por ele ter salvado sua vida, inclusive existe uns poemas dela falando disso, mas nada relacionado a amor e justamente no meio desses poemas da gratidão dela é inserido poemas dela sobre Kaien), logo, não tem poema dela pra ele.

Outros poemas que Kubo reforça a gratidão:


"As memórias da chuva estão ressurgindo. Ele foi protegido por Masaki, sua mãe, e mais uma vez Rukia salvou sua vida. Inundadas pela lamentação... Ichigo grita sua impotência amaldiçoando-se." Aqui, ele põe desculpa para se amaldiçoar quando Rukia vai pra SS, ela salvou sua vida e ele não pode salvar a dela, mas nada que parte sinceramente de sentimentos românticos.

"Fugindo nos braços de Renji, Rukia grita para Ichigo que acabou de salvá-a, ferido por causa dela, deixar de se preocupar com ela. Renji, em seguida, revela o que pensa de Ichigo: Ele disse que queria pagar sua dívida para com você".

"Rukia lamenta que ela mudou o destino de Ichigo, dando-lhe seus poderes shinigami. Mas quando ela ouve da boca de Renji que, pelo contrário, o jovem é grato que ela lhe deu a força para defender todos, ela suprime os soluços gratos contra o peito de sua amigo".

Ainda temos o poema do volume que cobre parte da saga Fullbring: “Como faço para me acostumar com a fugacidade desse mundo sem você?”. Os ichirukis dizem que Ichigo fala de Rukia segundo uma análise do Bleach Asylum, mas segundo o próprio Asylum o último poema do volume de Bleach não é sobre Ichigo e nem Rukia, mesmo eles sendo capa. Então, qual opinião considerar? Eu já vi Ichirukis abertos a opiniões que acreditam que o poema da fugacidade se se trata de Ichigo para Zangetsu, mas pra falar a verdade não me importo muito com isso, mas acho de extrema estranheza que tal poema só venha à tona quando Ichigo perdeu seus poderes e quando ele finalmente os tem de volta Rukia vai embora para Soul Society, ai então, porque Ichigo não voltou a depressão do “Não consigo me acostumar com a fugavidade do mundo sem você”. Ichiruki seria um amor de fases onde ele existe somente quando Ichigo perde poderes?

E o que falar da despedida Ichiruki? Por qual razão Ichigo diz obrigada para Rukia quando ela vai embora? Por que ele seria grato a ela? Como disse, amor de verdade é aquele amor que dá sem receber nada em troca, mas pelo que vejo em IR o tipo de amor existente é aquele versado em gratidão.

Vocês podem dizer que estou sendo dura demais falando que tudo que Ichigo e Rukia têm não passa de gratidão, mas não me interpretem mal, toda amizade começa por uma questão. Chad é amigo de Ichigo, pois eles eram colegas de briga de rua, então dizer que eles são amigos por essa questão não é errado; Tatsuki é amiga de Ichigo, pois ela colega de luta dele quando pequena, dizer que eles são amigos por isso simplesmente não é errado; dizer que Nell é amiga de Ichigo pela casualidade também não é errado. Tudo começa por uma questão até mesmo o amor. Masaki e Isshin se apaixonaram, pois um salvou o outro; Ryuuken se apaixonou por Katagiri, pois ela sempre esteve ao seu lado o apoiando; Renji se apaixonou por Rukia por uma questão de rivalidade que evoluiu. Ichigo e Rukia se tornaram grandes amigos, pois Rukia deu aquilo que Ichigo mais almejava e esteve com ele durante essa fase importante da sua vida e ainda o ajudou com as questões sobre sua mãe, então é óbvio que Ichigo e Rukia não têm somente uma relação de amigos por uma questão de gratidão, mas foi a gratidão que foi o grande impulsor da amizade que de acordo com Kubo seria uma amizade preciosa e insubstituível. Mas o que quero dizer com isso é que se Ichigo e Rukia se amassem, essa questão de gratidão deveria dar lugar aos sentimentos conforme o tempo passava, mas essa gratidão nunca deu espaço para outro sentimento.

[...]

Por fim, um dado bastante importante a ser mencionado é que na absoluta grande maioria das vezes, principalmente nos shounens os sentimentos românticos dos personagens que evoluem para um relacionamento, partem da mulher na relação. Isso talvez se deva ao fato de que os protagonistas masculinos sempre estão empenhados em algum drama da sua vida para se apaixonarem e isso se deve também há um fator meio machista onde é agradável ver a mulher tentando agradar/chamar a atenção do homem, ou então eu posso estar enganada e isso só seja cultural, pois em outras produções fora do Japão há uma certa parilidade para quem começa a desenvolver os sentimentos românticos, dependendo da produção. (produção voltada pra mulher geralmente mostram elas se apaixonando primeiro). Mas o que quero dizer com isso? É que tendo como norma essa questão da mulher tomar partido nos sentimentos, deveríamos ver primeiramente Rukia demonstrar algo por Ichigo, mas dentre as demonstrações de afeto dos personagens vemos mais Ichigo demonstrando estima por Rukia e não ao contrário, como nos poemas que em sua maioria provém do protagonista para Kuchiki. É sensanto mencionar ainda que Kubo cede ao padrão onde a mulher se apaixona primeiro que o homem. Vejamos:

Katagiri em relação a Ryuuken; Orihime em relação a Ichigo, Rukia em relação a Kaien, Momo em relação a Aizen, Loly em relação a Aizen, acredito que Yoruichi e Urahara se amem e ainda acredito que os sentimentos partiram em primeira instância por Yoruichi; Rangiku provavelmente amou Gin antes mesmo dela a amá-la. O que quero dizer com essas referências? Que Kubo cede a norma onde a mulher é a primeira a se apaixonar – salvo exceções como Renji e Rukia -, e esse padrão segue em quase todos os mangás/animes e produções japonesas.

PS: Façam um esforço mental e pensem nos romances de outras estórias, vocês chegarão a conclusão de que realmente é quase sempre a mulher que toma partido nos sentimentos realmente.

PS: Boa parte dos ditos poemas Ichirukis na verdade não são poemas, mas narrações do que aconteceu na estória através do databook. 

15 de agosto de 2016

O impacto de Orihime para Ichigo



Depois de fazer muitas análises, percebi algo em comum em todas elas. Algo com um significado enorme ao mesmo tempo tão questionável. Eu diria também que bastante suspeito pela repetição com que ocorre. 
Indo direto ao ponto, sabemos que Orihime é a única personagem no circulo de relações de Ichigo com que o protagonista compartilha um tratamento diferenciado. Há quem diga que ele faz isso com Riruka e Nelliel também, mas na verdade essas pessoas ignoram que Ichigo diferente de Orihime, não tem intimidade com essas personagens e quando isso ocorre é justamente porque parte delas, não dele. Já com Orihime, personagem com que o protagonista mais compartilha momentos próximos, a maioria desses momentos é protagonizada por Ichigo, é ele quem toma partido na hora de se aproximar de Orihime, na grande maioria das vezes. Hoje, irei falar sobre algo que parte dessa vertente, onde Orihime se mostra única para Ichigo. 

Começando pelo início...

Cenas do capítulo 3. Pulei uma parte e montei só os diálogos necessários para evitar de ter que mostrar cenas da luta de Ichigo contra um hollow.
Reparem no que Ichigo diz, sobre não sacrificar sua vida por estranhos. Sabemos que ele mudou muito e o senso de proteção dele se agigantou com o tempo, mas é fato que esse era o tipo de pensamento que Ichigo tinha no início de Bleach.


























Depois de dizer que se as coisas piorarem ele iria fugir, um capítulo depois Ichigo está pronto para dar sua vida por Orihime.
E tem gente que acha que Orihime não é importante para Ichigo...
































Graças a Orihime e não digam que não, que Ichigo reuniu coragem para ir salvar Rukia, se não fosse por ela, quanto tempo mais ele esperaria para salvar à amiga?


















































































Ainda tem gente que acredita que animar Ichigo é exclusividade da Rukia. Aliás, já repararam que Rukia só anima Ichigo dentro do campo de batalha? Até mesmo na vez que ele se sentiu mal por Orihime ter apanhado de Yammy, Rukia arrastou Ichigo pro campo de batalha e vendo que isso não era suficiente, ela encorajou o amigo a falar com Orihime e somente depois ele ficou bem, mas antes disso, a primeira tentativa de Rukia em animar Ichigo foi justamente arrastar o ruivo para lutar. E lá, no começo, quando Rukia ficou ao lado de Ichigo com os assuntos sobre sua mãe, Ichigo não foi capaz de se confessar por completo com a Kuchiki. "Quando você estiver preparado para falar sobre isso, a gente conversa", tal conversa jamais aconteceu.
























Ichigo, apesar da personalidade forte e grosseira também é o tipo de pessoa que não consegue ver Orihime "apanhando", mesmo quando ela está errada, como vemos pelas próximas duas cenas à baixo.








































Indo para saga Vaizard...




Quando dizem que Orihime não passa de uma amiga para Ichigo, mas ocorrem situações de igualdade entre a personagem e o restante dos amigos do ruivo e a pessoa que tem mais destaque nessas situações para Ichigo é justamente, Orihime.
Chad se feriu, Tatsuki quase morreu, mas Ichigo se sentiu mal somente por uma pessoa.
























A insistência e a afirmação de Ichigo sobre proteger Orihime é intrigante. Apesar do protagonista ser protetor com as pessoas em geral, com Orihime ele faz questão de fazer a promessa de protegê-la. E repetindo, por que ele não fez essa promessa para Tatsuki e para Chad também ou para Rukia que se feriu gravemente por Grimmjow? Depois dizem que Orihime é uma mera amiga para Ichigo quando visivelmente Orihime é a personagem que mais mexe com o protagonista.














Isshin e Yuzu estavam escutando Ichigo pela porta especulando que ele estivesse com uma namorada, mas Karin os alerta que somente alguém do nível de Orihime poderia preocupá-los. O mais engraçado disso, é que Ichigo sabia que seu pai e sua irmã estavam na sua porta e por instantes acompanhou a conversa deles com Karin, porém ele só se manifestou quando tocaram o nome de Orihime.








































Depois de Orihime se juntar aos arrancars, Ichigo acorda de manhã já caindo da cama e já mencionando que teve pesadelos durante à noite. Dizer que esse momento não é no mínimo suspeito é no mínimo rísivel.

































Observem as feições de Ichigo diante das afirmações de Ukitake sobre à morte de Orihime.
































Observem também o modo como Ichigo enfrenta Yamamoto, falando na sua cara que o que ele fala é mentira.


































Essa é uma edição feita com recortes das feições de Ichigo horas depois de saber que Orihime supostamente o traiu se juntando aos arrancars. Essas sombras embaixo dos seus olhos só somem quando ele vai ao Hueco Mundo. Elas são prova da grande angústia que o ruivo sentiu com a partida de Orihime e antes que aja alguma indagação sobre a partida de Rukia, Kubo não usou essas marcas quando Rukia foi embora para Soul Society condenada à morte.





























Ulquiorra provoca Ichigo falando que Rukia havia morrido, mas isso não foi o suficiente para desestabilizar Ichigo, tendo em vista que o objetivo de Ulquiorra era mesmo provocar o protagonista, então ele diz que foi ele quem trouxe Orihime até o Hueco Mundo...























Com 685 capitulos de Bleach (penúltimo capítulo antes da série acabar) até hoje não vi nenhuma expressão que chegasse perto dessa expressão de fúria estampada no rosto de Ichigo. A simples menção de que foi Ulquiorra quem levou Orihime até Hueco Mundo, despertou cólera em Ichigo, acabando por fazer o personagem até mesmo se esquecer de salvar sua amiga que foi dada como morta.







Ichigo mal podia andar de tão ferido que estava, mas foi só Grimmjow tocar em Orihime que o ruivo se mexeu. Observem que o corpo de chigo está caindo e rebaixado, o ruivo mal consegue se manter de pé e mesmo assim afronta Grimmjow.




























Grimmjow queria que Ichigo invocasse sua máscara hollow, mas Ichigo não fazia isso, então o arrancar provoca Ichigo da maneira mais apelativa possível...


Grimmjow sabia exatamente como provocar Ichigo para que ele lutasse com sua máscara, atingindo aquela que era seu ponto fraco.
































Acho curioso como muitos dos inimigos de Ichigo agem contra Orihime para mobilizar o personagem, como foi o caso de Aizen, Ulquiorra, Ginjo Tsukushima e Yhwach. Orihime demostra por diversas vezes ser o ponto fraco de Ichigo, mas não me entendam mal, a personagem também foi responsável muitas vezes por dar força a Ichigo e por justamente mostrar várias vezes ser o seu ponto fraco, Ichigo buscou dar o melhor de si para protegê-la, como foi o caso da cena mostrada aqui. Nela, Ichigo estava fraco, mas por Orihime ele invocou a máscara e ficou mais forte.









Aqui o ataque de Grimmjow iria ferir Orihime, mas apesar de Orihime estar protegida com seu escudo, Ichigo se coloca na frente do ataque com o corpo como garantia. Sei que Ichigo protegeria qualquer pessoa que estivesse no lugar de Orihime, não sou alienada quanto a isso, mas diferente das outras pessoas, sempre que vejo Ichigo proteger Orihime, observo certo exagero por parte dele. Ao invés de rebater o ataque com sua espada ele dá o corpo pra proteger à ruiva, aliás, ele faz isso mais de uma vez. Quando é pra proteger Orihime, Ichigo sempre age em demasia, não se importando nenhum pouco em dar o corpo para receber os ataques que poderiam ferir Orihime.


Logo após Nelliel dizer que Ichigo lutava por ela, a arrancar fala sobre Ichigo ser uma pessoa bondosa que foi capaz de deixar de ser quem é, por ela. Um Ichigo diferente, que partiu para cima de Ulquiorra com a simples menção do seu nome. Até Nelliel reconhece a comoção de Ichigo por Orihime e a
importância da ruiva para o protagonista.




Quando falo que apesar de Orihime ser a fraqueza de Ichigo, ela também é o motivo da sua força...
PS: Rukia também dá forças para Ichigo, mas ela não é a única e o modo como Orihime e Rukia fazer isso é totalmente distinto, Enquanto Rukia faz isso no campo de batalha, Orihime faz dentro e fora dele.
Menciono Rukia acima, porque sei que tem espertinhos que devem pensar que mencionando que Orihime anima Ichigo, estou menosprezando Rukia ou supervalorizando a maneira como Orihime anima o protagonista (sim, tem maluco pra tudo).


















Estou ciente que nem todo mundo pensa igual e por isso cada um acaba interpretando os olhares de Ichigo de forma diferente, por isso esse é um argumento fraco, mas não tem como negar o semblante de Ichigo nessa cena. Já vi diversas cenas entre Rukia e Ichigo que eram idênticas ao olhar do personagem para outros. como Ishida, já vi olhares dele para Orihime vistos do ruivo igualmente para outros personagens, mas jamais vi esse olhar de Ichigo se repetir. Um sorriso leve e relaxado, de verdadeiro alívio e ao mesmo tempo cheio de emoção.
Com um pedido, Orihime renovou as forças de Ichigo.














Uma curiosidade interessante é que todos sabemos o vício por batalhas que Ichigo tem e por vezes esse amor acaba refletido mal em suas ações. Várias vezes, por exemplo, os amigos de Ichigo se feriram e mesmo assim o ruivo continuou lutando ao invés de socorrer eles. Isso já aconteceu com Rukia 3 vezes. Duas vezes ela se feriu contra Grimmjow e ao invés de Ichigo ir salvá-la ele continuou lutando, outra vez foi quando a Kuchiki lutava contra Aaroniero e Ichigo
preferiu lutar contra Ulquiorra. Mas com Orihime, Ichigo quase sempre se mostra abalado, ele não consegue lutar quando vê a personagem em situação de risco, no caso dessa referencia que trago em questão, Orihime nem ferida estava, simplesmente ela estava presa ao subordinado de Nnoitra.


















Partindo para luta entre Ichigo e Ulquiorra.







































Ulquiorra falou diversas coisas sobre o motivo de Ichigo estar mais forte e no final chegou à conclusão que o motivo era Orihime. Reparem que Ichigo não diz que não, e o silêncio pode confirmar que realmente Orihime era o motivo dele estar mais forte.
Mas por que Orihime seria o motivo dele estar mais forte? Ele não lutou contra ela para que suas habilidades fortificassem, mas mesmo assim ela era o motivo dele estar mais forte.
Orihime além de ser a razão por Ichigo estar mais forte é a motivação para que ele evolua. Tem hater que tenta negar isso, mas Orihime é capaz de animar Ichigo sem nem menos precisar falar, sua existência por si só já faz isso. Quantos sentimentos Ichigo possuíria por Orihime ao ponto de ser mais forte em razão dela, sem que ela necessáriamente interferisse nas suas batalhas, bastando sua presença?












Loly e Melony estavam rasgando e batendo em Orihime e dessa vez diferente da vez onde Rukia estava à beira da morte, Ichigo não quis lutar contra Ulquiorra, pois a prioridade dele naquele momento era Orihime e em razão disso, ele escolheu não lutar.




























Estou ciente que na tradução original Ichigo não menciona um "ela" quando é despertado por Orihime, no entanto isso não muda o fato de quem o despertou. Orihime conseguiu atingir o coração de Ichigo e por ela, ele levantou e apesar do protagonista não nomear quem ele queria proteger ele encara Orihime e diz "tenho que proteger" e em seguida fere Ishida. Em outras palavras, ele só tinha intenção de proteger uma única pessoa. Ichigo estaria motivo por sentimentos nesse momento, pois à razão estava dormente?





















Como a imagem abaixo ficou muito grande, eu hospedei ela aqui >>> http://imgur.com/a/1o64M

Os haters, tendenciosos do jeito que são, sempre buscaram deturpar essa cena, dizendo que Ichigo iria acertar o cero em Orihime, quando na verdade ele estava mirando em Ishida e não iria ferir Orihime.
Observem que quando Ichigo atinge Ishida ele foca seu olhar em Ulquiorra que estava sobre seus pés, então, ele desvia o olhar, dobrando a cabeça para Orihime e fala na tradução original "eu tenho que proteger", em seguida, ele alinha o corpo e mira em Ishida.

Desse ângulo podemos ver onde Ishida e Orihime estão, em posições diferentes.












































Ainda na saga do Hueco Mundo...




Apesar de não estar junto de Orihime e quase partindo para Karakura, os pensamentos de Ichigo continuavem em Orihime quando ele lutou por instantes contra Yammy que até então estava lutando contra Rukia que se encontrava ferida.


Partindo para saga fullbring.




Chad pode se envolver com assuntos perigosos, Karin, irmã de Ichigo pode estar igualmente se envolvendo com assuntos perigosos, mas quando é Orihime que está envolvida em seu treinamento ele vê isso como problema, chegando a ficar bravo com Chad por trazer à ruiva até ele. Suspeito ou não?






























"Ele parece estar lutando completamente diferente de antes. Parece que trazer ela aqui era a escolha certa, afinal de contas".






























"Como pensei, quando ele está perto de algo que quer proteger, ele fica mais forte, mas ainda sim..."
Justamente por Ginjou afirmar que Ichigo fica mais forte quando tem algo para proteger e logo em seguida dizer esse "ainda sim" se infere que ele quis dizer que a presença de Orihime era mais importante do que meramente simples proteção. A importancia de Orihime para Ichigo era maior do Ginjou esperava, mas ele conseguiu notar isso através das ações de Ichigo. Outrossim, Orihime não corria riscos, ela era uma convidada no treino de Ichigo e até esse momento o ruivo considerava Ginjou com bons olhos, então não tinha o por quê de querer proteger Orihime, o que deixa essa situação muito mais intrigante...












Tsukushima tinha deturpado as memórias das pessoas próximas de Ichigo. E para desestabilizar de vez Ichigo, Tsukushima resolve tocar no seu ponto fraco que era Orihime e Chad. O que me estarrece é que sempre que ocorre algo do tipo, que mexa com o protagonista, Orihime está envolvida. Tsukushima poderia ter ligado para Chad, mas não era mais óbvio ligar para Orihime, por ela justamente mexer mais com Ichigo? Lembram do que Ginjou falou sobre Ichigo estar mais forte perto das pessoas que ele gosta, mas que com Orihime ele notou que o caso é mais especial? Ginjou tinha contato com Tsukushima e talvez ele tenha mencionado Orihime como alguém que mexesse com o protagonista.











Se o objetivo de Tsukushima era mexer com Ichigo, foi uma sábia decisão da sua parte envolver Orihime na questão.
































Saga da guerra sangrenta. Última saga de Bleach.



Ichigo estava triste. Rukia e Shinji notaram isso, mas foi só olhar para Orihime que...








































Mesmo uma parcela de culpa sendo de Orihime,em relação ao seu desmaio o protagonista prefere isentar Orihime da culpa.



Depois de ter visto Yoruichi nua, depois da Matsumoto flertar com ele e depois de ter visto a nudes trazeira de Rukia, Orihime foi a primeira personagem que Ichigo opinou sobre à roupa e a única que ele manteve o olhar fixo nesse tipo de momento.

































Mais uma vez, vemos que o senso de proteção de Ichigo para com Orihime é especial e único. Ele já protegeu outras personagens com o corpo, a questão é que com Orihime ele vai além, sendo recorrente esse tipo de proteção e quando ele protege outras personagens isso geralmente acontece em momentos extremos, mas qual foi a necessidade de ser extremo na cena aqui referida? Ichigo é poderoso o suficiente para ter desviado daquelas estátuas facilmente, mas ele não fez isso.


Eu acho muito bonito a maneira como Ichigo conhece e se importa com Orihime. Chad estava bem ao lado de Orihime e Ichigo bem na frente, mas por intuito ele olhou para trás diretamente para Orihime, como se soubesse o que ela estava sentindo. E não foi Chad o responsável por consolar ou perguntar como sua amiga está, foi justamente Ichigo.


Ichigo sempre foi um personagem altruísta e sempre lutou suas lutas sozinho e nem ao menos fez questão que alguém o acompanhasse. Pela primeira vez, ele permitiu que alguém lutasse ao seu lado e não só permitiu, mas convidou Orihime para ser seu escudo.






























Conclusão:

Hoje vimos que nos momentos de conflito e até mesmo de paz Orihime é a personagem que mais mexe com Ichigo. Muitas vezes a simples menção do seu nome é motivo para tirar o personagem dos eixos (como na vez onde Karin menciona que somente alguém do nível de Orihime era uma ameaça como namorada, como na vez que Yamamoto fala sobre Orihime ser uma traidora, como na vez que Ulquiorra diz que foi ele quem trouxe Orihime ao HM, e na vez que Tsukushima liga pra Orihime). em outras vezes Kubo resolve que para desestabilizar ou dar forças a Ichigo a pessoa certa é Orihime (como na vez que todos os amigos de Ichigo se feriram por Yammy, mas Ichigo se sente culpado somente por Orihime, como na vez que Orihime grita para Ichigo não se ferir na luta contra Grimmjow e ele fica mais forte, como na vez que Ulquiorra menciona Orihime como sendo responsável pela sua força ou como na vez que Ginjou pensa que a causa de Ichigo estar mais forte no treinamento é Orihime).
Podemos dizer que as situações acima são puramente conscidencia, mas a questão é que essas situações são tão recorretes na série que argumentar conscidencia é uma grande falácia.
Orihime e Ichigo possuem uma relação que com o passar do tempo se espreitou sem dúvidas. Conforme o tempo foi passando, mais e mais vemos situações repetidas onde Orihime consegue mexer com Ichigo, tanto nos momentos negativos onde ela é a autora da raiva do personagem (exemplo: Ulquiorra menciona que foi ele quem trouxe Orihime ao HM e Ichigo entra em cólera), quanto nos bons momentos onde ela é o motivo por ele estar mais forte. Com o tempo vemos outros tipos de sentimentos que nasceram entre os ruivos, onde antes só viamos amizade, agora vemos preocupação, carinho, fidelidade, confiança.
A relação entre Ichigo e Orihime foi uma das mais bem construídas em Bleach por toda carga histórica e emocional que carrega, onde vemos os ruivos desenvolvendo uma preocupação íntima entre eles ao tempo que outros diversos sentimentos foram sendo construídos em volta como a confiança e compreensão mútua. Ichigo e Orihime do início ao fim de Bleach demostraram companherismo e emoções entre eles. Dizem que Ichigo não se importa com Orihime, mas dentro da série, entre todos os personagens, ele foi o único que do começo ao fim mostrou que sentia algo por Orihime mesmo que outros personagens tivessem espaço para isso. Através dos gestos, em absolutamente todas as sagas houve alguma cena onde podemos ver o quanto Ichigo é diferente somente para uma pessoa. 
Orihime pode não ter sido a responsável por ter dado poderes a Ichigo, mas em um relacionamento romântico precisa de muito mais que isso para unir um casal. E o que vemos de Orihime para Ichigo é um impacto gigantesco de como a personagem move o protagonista. Realmente houve mais cenas de outra personagem que despertaram tantas emoções em Ichigo como as cenas de Orihime despertaram? E a grande pergunta, por que fazer de Orihime a responsável por tirar Ichigo dos eixos e porque só com ela Ichigo demostra ser mais poderoso, segundo seus próprios inimigos, sem que ela necessarimante interfira nas suas batalhas?

30 de junho de 2016

Os sentimentos de Ichigo - Parte II






Ao pessoal que diz “Os sentimentos da Orihime são unilaterais, bem como os momentos criados por Kubo entre os dois”, eu digo: A intenção real de vocês é tentar se confortar com esse argumento, tendo em vista o quanto é difícil procurar argumentos do próprio shippe? Pois convenhamos, os argumentos IR's há tempos estão defasados - pra não dizer repetitivos.

“Os sentimentos unilaterais”. Se uma coisa eu concordo com os haters é que até o momento Ichigo não confirmou que gosta da Orihime, assim como não confirmou que gosta de Rukia de fato - se a coisa tá feia pros IH's com essa relação unilateral, imagina para os IR's que não tem lado algum  -. Todavia, existem inúmeras formas de demostrar que uma pessoa ama outra; um “Te amo” pode ser interpretado de diversas formas: por gestos, carinho, atenção e proteção – cada um tem sua maneira de demostrar isso afinal, todos somos diferentes, não é mesmo? -. E se for para Ichigo ficar com alguma pessoa, certamente o que deverá ser levado em conta são provas tanto objetivas quanto subjetivas; e o caminho mais fácil de enxergar isso – esses sentimentos expressos da maneira de Ichigo – é analisar suas relações.
Vocês devem estar pensando “Lá vem ela falar que Ichigo trata Orihime de maneira diferenciada. É óbvio que ele só trata ela da maneira que ela trata ele”. Engraçado que esse tratamento diferenciado é tão explícito que nem mesmo os IR’s desmentem isso. Mas continuando... realmente Ichigo trata todos de maneira recíproca?


  • Yoruichi bate e dá sermão em Ichigo. O que ele faz? Nada. Por respeito a sua mestra.
  • Urahara trata Ichigo de modo gentil, embora com suas peculiaridades. O que Ichigo faz? É grosseiro com ele.
  • Yuzu e Karin são gentis com ele. Como ele as trata? Ele pode até ser gentil, mas convenhamos que ele de vez em quando ele é bem grosseiro com elas.
  • Keigo, embora chatinho, trata Ichigo bem, com respeito e carisma. Como ele o trata? Com socos e pancadas.
  • Nell é carinhosa com Ichigo. Por acaso Ichigo retorna esse carinho? Não. Ele trata ela com afeto e rígidez, como um irmão mais velho, mas não retorna o carinho que ela dá pra ele.
E por último Chad. Chad trata Ichigo gentilmente e Ichigo trata ele gentilmente. Há uma reciprocidade na relação deles, o que consequentemente nos faz pensar: "Chad está no mesmo patamar que Orihime, no que diz a relacionamento". Se essa é a linha de pensamento de vocês, devo dizer que estão errados, embora tecnicamente ela devesse estar mesmo no patamar dele.



Realmente sentir raiva de Chad por levar Orihime ao seu treinamento é bem estranho, afinal Orihime e Chad deveriam ter uma relação parelha no sentido de serem tratados como iguais, pois tanto o moreno quanto à ruiva são próximos ao protagonista e evidentemente pessoas gentis. No entanto ele parece ter uma relação distinta com Orihime. E oras, era só um treinamento, que grande risco Orihime teria?

































Mas parece que as coisas são diferentes com sua irmã, por exemplo...


Ichigo sabia que Karin se envolvia com coisas estranhas - e com Urahara -, mas não fez nada sobre isso.
O envolvimento de Karin nesse mundo - que era dele -, certamente colocaria a menina em posição de perigo, mas ele não fez nada quanto a isso.
























Certamente Karin corria perigo se envolvendo com o que quer que estivesse fazendo ao lado de Urahara, Ichigo sabia disso, mas não fez muitas menções de se importar, no entanto, quanto o assunto é Orihime, por que Ichigo não consegui agir com ela como age com Karin? Por que com ela, ele se importa ao ponto de não querê-la envolvida assuntos supostamente arriscados? Minha intenção certamente não é querer impor que Orihime é melhor que Karin, longe disso, minha intenção é querer evidenciar que ele distingue ambas as personagens com um tratamento difenciado: Orihime não é como uma irmã para Ichigo, tão pouco é como uma amiga.
E antes que falem da Yuzu, Ichigo sempre deixa a irmã preocupada, nunca explica nada da sua vida pra ela, mas com Orihime... ele sempre faz o possível para não preocupar à ruiva.


E distinção do tratamento de Ichigo para com Orihime vai muito mais longe que isso!

Mulheres já se ofereceram pra Ichigo, já ficaram nuas para ele e como ele reagiu? Ele foi grosseiro, tentou disfarçar a vergonha e no caso da Rukia e das demais, o ruivo simplesmente virou a cara constrangido. Mas e no caso de Orihime? Ele não ficou bravo com ela, mas quis dar palpite sobre o que ela vestia - por acaso ele fez isso antes? o tratamento dele não era reciproco? porque ele não agiu com Orihime como agiu com às outras? Porque com ela à roupa importa? -. Devo dizer que as cenas do capítulo 589 visivelmente mostravam o quanto Ichigo ficou hipnotizado pelo decote. Ele não desviou o rosto dos peitos da Orihime como havia feito antes. Não. Ele ficou estatizado olhando pra eles que nem um bobo.
Ichigo realmente só é gentil com Orihime por ela ser assim com ele? Segundo essa linha de pensamento, Orihime também deveria ser tratada como as demais mulheres no circulo de relação de Ichigo; mas há vestígios, aqui e ali que demostram o quão diferente ela é pra ele em relação as demais.






































Se a questão é "Tratar com gentileza, quem me trata com gentileza", então porque Ichigo vai além disso? A verdade é que ele não precisava se importar tanto com Orihime - ou se preocupar -. 
Havia necessidade de Ichigo se meter em uma "briguinha" entre amigas? Não. Mas ele faz porque de alguma forma ver Orihime levando bronca de Tatsuki o incomoda. E existe alguém que protege mais Orihime do que Tatsuki? De alguma forma é curioso como Ichigo tenta concorrer com ela nesse sentido.















Serei breve e não tratei referencias do mangá nesse tópico para não soar repetitiva, mas se quiserem, peçam nos comentários as referencias que eu certamente responderei com elas.
Pois bem, vamos falar de coisas que nós já sabemos, mas pra deixar essa análise mais completa, comentaremos sobre elas:

Orihime não é a protagonista central, como Rukia e Ichigo, mesmo assim, quando nos referimos a ela, nenhuma outra personagem conseguiu arrancar tantas coisas de Ichigo:

  • Orihime já presenciou quase todas as transformações de Ichigo.
  • Orihime é a única personagem no qual o protagonista parece fazer questão de perguntar, antes de mais nada se está bem.
  • Orihime foi a personagem que Ichigo mais fez promessas.
  • Orihime é a única personagem na série que demostrou empatia por Ichigo com relação a mãe.
  • Apesar de ter uma memória bem mais ou menos, Ichigo foi capaz de relacionar a menina que ele encontrou na infância com Orihime, lembrar da história das presilhas e ainda notar o que a personagem veste ou deixa de vestir.
  • Orihime foi a mulher por quem mais vezes Ichigo corou - antes da cena 589 que mostrou diversos quadros onde o protagonista estava corado ele já havia corado duas vezes por Orihime -.
  • Orihime é a personagem que mais trocou cenas de toque com Ichigo.
  • Orihime foi a personagem que mais abraçou Ichigo, foram 3 vezes.


Entre outras coisas - que não me recordo no momento - as citadas à cima são minhas prediletas com relação à exclusividade de Orihime.


Outra cenas bastantes interessantes foram as de Gingo e Ulquiorra:








































Já viram aquele ditado que quando uma pessoa se cala é porque falaram uma verdade? Então... até Ulquiorra diante do silêncio de Ichigo entendeu que a causa de lecontinuar lutando era Orihime e o povo vem me falar que não? Não esqueçam que quem escreve esse mangá é Kubo, se ele quis afirmar isso através de Ulquiorra é porque de fato é o que o mangaká pensa.

































E já cena com Ginjou...







































Parece que trazer ela era uma decisão certa. Como pensei, quando ele está perto de alguém que quer proteger, ele fica mais forte, mas ainda assim... "cena focada em Orihime". O que vocês deduzem com Ichigo? Que apesar de Ichigo ficar mais forte ao lado dos amigos, com Orihime ocorre algo diferente. "Mas ainda assim", mas ainda assim, com Orihime ele vai além de querer somente proteger.

Acho engraçado que essa importancia dada à Orihime nesses momentos. Eles não são cômicos, são sérios e Orihime tem suma importância neles.
Orihime não é uma mera amiga? Então pra que todo esse foco?
















Podemos ter mais de uma amiga, mais de uma prima, mais de colega, mais de uma tia, mais de uma irmã e até mesmo mais de uma mãe (quando é adotiva no caso), mas não podemos ter mais de um amor e pensar dessa maneira me faz distinguir as relações de Ichigo...

...Pois como vimos nessa análise Orihime não é vista como uma irmã para Ichigo, até porque seria bem errado, já que o protagonista ficou corado pelo decote da ruiva.
E com as amigas? Ichigo tem um punhado de amigas, nem tantas, mas como ele trata elas?


























Eu podia citar outras mulheres, também, Yoruichi e a chefe de Ichigo. Por óbvio elas não tem uma relação de romance com Ichigo, mas ainda batem nele. E as demais mulheres que ele trata bem? Nelliel, apesar de tudo, nunca foi tão próxima e teve tanta atenção de Ichigo como Orihime tem, pelos diversos modos de tratamento do protagonista com à ruiva já evidenciados; e Riruka? Ichigo foi gentil com ela, mas nem de perto a tratou com tanta maestria como trata Orihime.
Não acham curioso que mesmo mulheres que tratam Ichigo gentilmente não conseguem arrancar aquilo que Orihime arranca do protagonista?


Orihime não tem uma relação com Ichigo de uma irmã e como vimos tão pouco é de amizade e ainda por cima Orihime é a única que extrai algo de diferente de Ichigo que outras pessoas não extraem. Como eu disse no início desse tópico "Podemos ter mais de uma amiga, mais de uma prima, mais de uma colega, mais de uma tia, mais de uma irmã e até mesmo mais de uma mãe (quando é adotiva no caso), mas não podemos ter mais de um amor e pensar dessa maneira me faz distinguir as relações de Ichigo". Do mesmo modo que só podemos tratar uma pessoa com amor, vemos em Ichigo que ele trata uma única pessoa na série inteira com modos exclusivos. Isso de eu dizer que somente tratamos de modo distinto uma pessoa que amamos, por ela ser única, é uma verdade absoluta - a não ser que vocês acreditem em bigamia -, e não vejo outra pessoa em Bleach a ser tratada por Ichigo com tanta graça como Orihime é por ele; e sejamos francos, de tantos modos exclusivos que Orihime poderia ter, ela tem justamente à atenção de Ichigo como uma das pessoas com potenciais pra ficar com ele, sem contar que ela tem uma relação exclusiva com ele de íntimidade, literalmente do toque.
Vocês podem até acreditar que Ichigo trata Orihime da mesma forma que ela trata ele, mas isso não foi nenhuma vez provado em Bleach e desafio vocês a tentarem explicar o motivo dele ser mais gentil do que deveria com Orihime, mesmo nos momentos que não há necessidade, desafio também, a encontrarem tantas outras pessoas que extraiam tanta coisa de Ichigo como Orihime - preocupação, agradecimentos, reconhecimento de qualidades e até o modo como ele ficou envergonhado diante do decote da ruiva -. A verdade é que essa justificativa que dão para o modo distinto de tratamento é tão sem pé e nem cabeça que não há modos de defender esse argumento sem embasamento, em contrapartida, é de conhecimento geral que quando se ama uma pessoa você é especial com ela como não é especial com mais ninguém, pois isso de fato é amor. E amor não deve ser futilizado ou banalizado, em qualquer época ou lugar do mundo o amor sempre será uma relação única.